O que aprendi nos últimos 8 anos

Hoje apercebi-me de algo engraçado.. fez em Agosto 8 anos que a Maudlin Merchandise nasceu. Não sou de ligar a estas datas, prefiro olhar para a frente e no que ainda está para vir mas hoje não consigo deixar de parar um pouco e olhar para trás para pensar no garoto que era quando comecei um negócio no meu quarto da universidade e no quanto as coisas evoluíram neste período de tempo.

.

Olhando para as oportunidades que há hoje para jovens empreendedores e para o que se vivia na altura.. são dois mundos diferentes. Na altura não havia incubadoras, não havia apoios de criação do próprio emprego, não se falava sequer em empreendedorismo. As tuas opções eram pouco mais do que trabalhares para alguém ou teres dinheiro suficiente para criar a tua empresa. Não havia meio termo.

.

Nestes últimos anos, acima de tudo, aprendi imenso. Fiz algo que nunca imaginei ser possível. Se na altura me dissessem que a Maudlin iria sair do quarto da universidade nunca teria acreditado. Teria dito que estavam a sonhar. A verdade é que 8 anos depois é esta a minha vida e não podia estar mais feliz.

.

Eis algumas das lições mais importantes que retirei desta aventura.

.

.

Consegues fazer tudo o que quiseres

Acima de tudo, tens de acreditar em ti. Acredita nas tuas ideias e no teu caminho. Eu comecei uma micro empresa num quarto de universidade em Bragança e sem ligação à internet com excepção da internet intermitente da própria universidade. Não havia smartphones, não havia 4G. Apesar disso, achei que a longo prazo poderia compensar e vir dar em algo. Completei uma licenciatura nos 3 anos a que me dispus, fiz erasmus, trabalhei a tempo inteiro dentro e fora do país e ainda comecei um mestrado no Reino Unido. Tudo isto enquanto desenvolvia uma empresa. Desde que acredites em ti e tenhas um projecto, consegues tudo.

.

Não é fácil

Apesar do que descrevi em cima, não é fácil. Mesmo hoje com todos os apoios existentes, com as incubadoras que te dão vida, não é um passeio no parque. Passei dias e noites sem dormir. Estudei de dia e trabalhei de noite. Trabalhei de dia e de noite. Durante anos os meus fins de semana foram passados em autocarros em direcção ao Porto, Lisboa e ao Algarve (cheguei a passar 24 horas dentro de um autocarro num espaço de tempo de 48 horas), a dormir em carrinhas e a carregar material em concertos em troca de um espaço para o merchandising. Ninguém te vai dar nada, tens de lutar por ti.

.

Não interessa o que os outros dizem

O maior erro que podes cometer é ir na conversa que a tua ideia nunca irá dar em nada, que deves desistir. Esse é o caminho fácil, é a forma confortável de viver. Ouvi isso durante anos da boca de amigos e da família mas nunca olhei para trás. Maior parte do teu trabalho vai demorar meses a materializar-se e vai haver alturas em que vais pensar se realmente vale a pena.. mas acredita que vale!

Passei 2 anos sem receber um tostão. Nos dois anos seguintes investi todos os lucros de volta na empresa e na minha educação. Fiz bastantes sacrifícios para poder progredir tanto a nível pessoal como profissional.

Preocupa-te em criar um plano de negócios sólido, algo por onde te possas guiar e onde digas onde queres chegar. É essa a tua biblia.  Segue-a até à morte.

.

Baralha e volta a dar

Por vezes vais acabar por descobrir que determinado produto não funciona, que determinada técnica ou direcção não vai ter o resultado que procuras.

Percebi isso quase no inicio da empresa. Começámos como uma marca de roupa independente mas transformámo-nos numa empresa de merchandising. Percebi o que é que não estava a funcionar e quais eram os meus fortes. Descobri uma necessidade dentro do meu mercado e dispus-me a suprimi-la. Não há só um caminho, por vezes é preciso parar e olhar para o grande plano. A partir daí podes escolher se continuas na mesma estrada ou se mudas.

.

É importante ter uma equipa fantástica

Tenho a sorte de ter uma equipa fantástica a trabalhar comigo. Trabalhei sozinho durante os primeiros 6 dos últimos 8 anos e gostei mas sempre senti que ainda não tinha chegado onde queria e podia. Apesar de dar bastante prazer, trabalhar sozinho é extremamente solitário e difícil. Acho que o fiz enquanto foi necessário.

Acima de tudo, foi necessário perceber o que queria retirar da empresa, onde é que queria chegar a nível profissional e depois apostar as fichas todas no crescimento. Mesmo quando trabalhava sozinho a partir de casa, nunca tive vergonha de dizer "nós", dar a ideia de uma empresa maior do que realmente era porque as intenções eram honestas e, na minha opinião, nobres. Hoje quando digo "nós" já me posso referir a uma excelente equipa com quem trabalho diariamente e que sei ter a mesma mentalidade que eu, com imensa vontade de andar em frente e de criar algo de único em Portugal. Os últimos dois anos foram determinantes na vida da empresa e estamos a chegar a sítios onde eu nunca imaginei ser possível. Isto é devido ao sacrifício de um grupo de pessoas absolutamente incríveis.

.

Diverte-te!

Este é o último ponto mas também é o mais importante. Tu crias um negócio porque é algo que gostas de fazer, é algo com que te identificas. A tua preocupação deve passar SEMPRE por te divertires. A partir do momento em que trabalhar na tua criação passar a ser um frete, é sinal que é hora de mudar alguma coisa ou de seguir em frente.

Passo grande parte do meu dia e da minha noite a pensar na empresa. A pensar nos problemas diários, a pensar nos próximos passos, em como posso melhorar os serviços que oferecemos. A empresa é sem dúvida uma enorme parte da minha vida e, apesar de todas as dores de cabeças diárias, continuo a divertir-me como nos primeiros tempos, continuo a tirar um gozo enorme disto. Enquanto assim for, as coisas estão bem.

.

.

estampagem têxtil

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest
Email

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Personalização Têxtil

Estamos disponíveis para te ajudar a criar a tua marca de roupa ou o teu merchandise personalizado com os teus próprios logótipos.

Trabalhamos para empresas e privados sem mínimos de produção.

Posts Recentes
Segue-nos